Logística de transporte: dicas essenciais para melhorar o seu dia a dia de trabalho

Resumo

Se quiser, pule para a parte do seu interesse:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

“Para quem não sabe aonde vai, qualquer caminho serve.” A frase atribuída a Sêneca – um dos mais importantes filósofos e intelectuais do Império Romano – tem tudo a ver com o nosso tema de hoje: a logística de transporte. Isso porque, quem atua na área sabe a importância do planejamento estratégico para os rumos do negócio. 

Sem uma gestão logística e gerenciamento de risco integrados, a movimentação de cargas no Brasil pode se tornar uma imensa dor de cabeça. O dia a dia de quem lida com transportes é, muitas vezes, tomado por um constante “apagar de incêndios”. Depois de resolver uma infinidade de gargalos e demandas operacionais, falta tempo e energia para pensar estrategicamente nos planos de crescimento da empresa. 

Se você é um gestor ou analista sênior de logística, sabe exatamente do que estamos falando, não é mesmo? Afinal, como dedicar inteligência à estratégia da companhia se os problemas insistem em aparecer e, evidentemente, não podem ficar na gaveta?  

Diante de operações sensíveis como o transporte de cargas, é impossível ignorar uma carga roubada, extraviada, avariada, atraso na entrega, acidentes, equipes despreparadas, frota sem manutenção, integração mal feita dos modais, contratações equivocadas de fornecedores, falta de controle no pagamento de diárias, escolha de rotas inseguras e pouca visibilidade nos trajetos, insatisfação dos clientes, indicadores de desempenho sem acompanhamento adequado e falta de sinergia entre os times envolvidos na operação. 

Administrar uma rotina como essa e ainda garantir que o planejamento estratégico não fique em segundo plano é um desafio e tanto! Certamente, quem escolhe a área de logística de transporte sabe a importância de sua missão para a empresa. A grande questão aqui, como sabemos, é transportar com eficiência o maior volume de mercadorias, pelo menor preço e tempo possíveis, com total segurança da carga. 

Dicas para melhorar a logística de transporte

Ainda que os desafios se avolumem, um dia a dia desorganizado, com excesso de demandas e operações mal planejadas só pioram a situação. Com uma lista de afazeres tão complexa, experiência e qualificação profissional são essenciais para quem quer vencer as barreiras e se diferenciar na logística de transporte. 

Não desanime! É possível acabar com essa sensação de que você está “enxugando gelo” e contribuir, de fato, para os resultados logísticos da sua empresa. Para ajudar a deixar seu dia a dia mais fácil e produtivo, preparamos alguns dicas que, certamente, vão melhorar a entrega de resultados. 

 

1 Organize as atividades diárias 

Planejamento das tarefas é o primeiro passo. Mantenha cronogramas diários, semanais e mensais. Com a visibilidade das demandas rotineiras fica mais fácil administrar o tempo e, inclusive, dividir e delegar atividades. 

 

2 Invista tempo em ações estratégicas 

Ao ter mais clareza das demandas operacionais, você consegue sistematizar as rotinas e aprimorar o fluxo de trabalho. Entenda que dedicar tempo para as estratégicas é necessário, pois melhorando a operação você vai reduzir, inclusive, o volume de problemas que surgem todos os dias. 

 

3 Dê valor ao planejamento 

Tudo começa por um bom planejamento. Até as suas viagens de férias são planejadas, não é mesmo? Por que seria diferente com a logística do transporte? Quanto mais você investir em planejamento e visão estratégica, menores serão os custos e maior a eficiência. 

 

4 Aposte em treinamento e qualificação 

Se o mundo muda o tempo todo, o que dizer de um setor tão complexo como o de transportes. Estar atualizado e com um time capacitado (tanto interno quanto o de fornecedores) alinhados aos processos e às exigências da empresa é fundamental. Aposte em capacitação para garantir a excelência da operação.  

5 Busque fornecedores comprometidos com a filosofia da sua empresa 

A escolha de um fornecedor na área de transportes é altamente estratégica e não está relacionada unicamente ao preço. Ao confiar sua carga a um parceiro você precisa ter a certeza de que ele está alinhado à filosofia e às premissas da empresa, como confiança, qualidade, segurança, tecnologia, agilidade, entre outros requisitos. 

  6 Invista em atitudes preventivas  

Não espere que os problemas ocorram para tomar medidas reparadoras. Quem atua na área de logística de transportes conhece bem o setor e sabe quais os desafios do dia a dia. Por isso, é possível adotar programas de prevenção de acidentes e de gerenciamento de risco, por exemplo, para mitigar a ocorrência de sinistros. 

 

7 Conte com soluções especializadas 

As tecnologias têm sido excelentes aliadas da gestão. Utilize ferramentas para acompanhar as operações de transporte e obter indicadores de desempenho precisos. Busque soluções especializadas que melhorem seus processos de gestão logística e gerenciamento de risco para deixar a rotina muito mais fácil. 

 

8 Tenha metas e objetivos 

Com indicadores claros é possível entender os pontos fracos e fortes da operação e definir as estratégias de melhoria. Ter metas, objetivos e prazos faz parte deste processo de melhoria contínua. Motive a equipe em busca de resultados.  

 

9 Entenda o mercado 

Não basta apenas conhecer as peculiaridades sua empresa. O mercado passa por transformações e entender o que acontece na cadeia logística é essencial. Mantenha-se atualizado, participe de congressos, eventos, seminários, lives, webinars, saiba o que há de novo no setor. Informe-se constantemente.  

 

10 Gerencie os custos 

Cuidar do orçamento é algo que, claro, está na rotina e na estratégia de quem lida com a logística de transportes. Conhecer todos os custos envolvidos na operação e entender onde é possível reduzir as despesas sem comprometer a qualidade e a eficiência é um diferencial, com certeza. 

 

11 Não banque o herói 

Para conduzir com sucesso uma operação tão dinâmica, complexa e tão cheia de desafios como a movimentação de cargas é necessário atuar de forma cooperada, contando com uma rede de parceiros, fornecedores e profissionais qualificados. Você não vai vencer essa batalha lutando de forma solitária. A dica é saber com quem contar. Esteja cercado de bons aliados. 

Resultados diferenciados para o negócio e para a sua carreira 

Agora que você já sabe para onde vai e qual caminho seguir, fica bem mais fácil lidar com os problemas diários não é mesmo? E o melhor: além de descobrir os rumos que levam às melhorias nos resultados logísticos, já pode contribuir de forma mais efetiva para a estratégia da empresa – e não apenas para a rotina operacional.  

E tem mais! Mudar o mindset pode impulsionar sua carreira. Ao deixar de ser apenas um analista de logística que resolve os gargalos operacionais para ser alguém que apresenta soluções inovadoras, você se torna um profissional estratégico para o negócio e passa a fazer a diferença para a empresa. 

Desta forma, contribui para os resultados, alcança os objetivos esperados, cumpre sua missão e passa, naturalmente, a chamar a atenção para seu potencial, podendo vislumbrar excelentes oportunidades de ascensão na carreira. Pense nisso e conte conosco! 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open News!

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das principais novidades no mundo dos transportes.

Posts relacionados

© 2021 Opentech Soluções em Gerenciamento de Risco e Logística. Todos os direitos reservados.
© 2021 Opentech Soluções em Gerenciamento de Risco e Logística. Todos os direitos reservados.