Profissão Motorista: é preciso desenvolver o valor

shutterstock_146260589 (Large)

No mês passado comemoramos o dia do caminhoneiro e o dia do motorista, duas datas que celebram trabalhos para os quais a atenção da OpenTech está voltada o tempo todo, pensando sempre no sucesso das operações logísticas.

Embora passe quase despercebido aos olhos do consumidor final, o trabalho destes profissionais é fundamental para que se encontrem os produtos sempre disponíveis nas prateleiras das lojas. Ainda, durante todo o processo, precisam gerenciam inúmeras situações de risco.

Isso mesmo, ser caminhoneiro não é uma tarefa fácil: horários de entregas a cumprir, estradas nem sempre em condições seguras, exposição à irresponsabilidade de outros motoristas e risco de roubo de cargas. Mesmo com as mudanças determinadas no ano passado por meio da nova Lei 12.619, que regulamenta a profissão de motorista e estabelece os limites do tempo de direção, os horários obrigatórios de descanso e a jornada de trabalho, é preciso inserir a estes profissionais a cultura de prudência, a habilidade para lidar com as situações adversas e capacitação para atuar com a evolução tecnológica dos caminhões e sistemas cada vez mais modernos, e por isso é tão importante a atualização profissional.

Os benefícios deste gerenciamento de riscos por meio da profissionalização vão muito além da preservação da vida e da carga transportada. Refletem no reconhecimento e valorização da profissão, em tempos em que a demanda por motoristas profissionais qualificados é grande e ao mesmo tempo pouco disponível.

Profissão Motorista: é preciso desenvolver o valor
2 votes, 4.00 avg. rating (82% score)