Gerenciando o Risco de Roubo na Operação Logística

155441356

O papel da OpenTech no Gerenciamento de Risco é aumentar a segurança da carga transportada por meio de tecnologias integradas que transmitem informações para diminuir as possibilidades de roubo.

Para as gerenciadoras em geral, os elementos que compõem a “cesta” de possibilidades de roubo, são muitos. Descobrir uma maneira racional de selecionar o risco, dentre todas as viagens monitoradas. Uma gerenciadora com domínio desta expertise habilitaria os seus melhores recursos humanos e técnicos em viagens de maior risco, sem desperdícios.

Conheça alguns fatores que a análise de risco considera:

Produto – Somente o valor da carga, sem outros elementos, não serve para indicar a possibilidade de roubo. Exemplos: uma carga valiosíssima de ferramental e peças destinadas a um campo de prospecção de petróleo, grandes transformadores construídos sob medida para determinado fim etc. A carga é de grande valor, mas para um fim muito específico, não interessa a “indústria do roubo”, por falta de compradores interessados e pela logística complicada de transporte.

Valor da Carga – É um fator importante, mas por si só não determina o risco. Sua análise depende principalmente dos componentes “quantidade”, “valor” e “rota”.

Rota – Nem sempre uma rota é toda de insegura, mas sim apenas alguns trechos específicos. Isso exige ações mais severas apenas enquanto a viagem estiver nos trechos mais vulneráveis. Imprevistos também podem ocorrer, fazendo a viagem percorrer por uma rota diferente e possivelmente arriscada. Para cargas especiais, escolta armada pode ser uma solução.

Horário – Uma análise prévia é fundamental. Algumas estradas são consideradas de risco apenas em alguns horários. Contudo, em algumas regiões pode não haver histórico que justifique necessidade de prevenção.

Como vimos, as variantes, o dinamismo e o imprevisível obrigam um atento trabalho online, totalmente manual, por consequência oneroso e sujeito a falhas.

Saiba mais sobre o que torna a OpenTech uma referência em segurança para operações logísticas, atuando também na prevenção de acidentes e evitando danos e prejuízos desnecessários às transportadoras, donos de cargas e seguradoras. Conheça seu sistema de Gerenciamento de Riscos para selecionar e evitar as mais variadas situações de vulnerabilidade do processo logístico.

 

Gerenciando o Risco de Roubo na Operação Logística
1 vote, 5.00 avg. rating (94% score)